Postagens Recentes

Translate this blog

Como Organizar as Finanças Pessoais

Printables da parte de finanças do Kit Planeje-se
Incorporando alguns valores financeiros, a administração do orçamento fica mais intuitivo e simplificado. Infelizmente, essa administração não nos é ensinado desde a infância e acabamos por reproduzir comportamentos que nos prejudicam. Confira algumas dicas para fazer as pazes com seu dinheiro.

Antes de tudo: DISCIPLINA!

Perca o medo do dinheiro e aprenda a lidar com ele. Digo medo do dinheiro, pois muitos encaram o dinheiro como  meio de realizar os desejos tanto quanto uma constante dor de cabeça. UMA VERDADEIRA ARMADILHA! Esse pensamento é errado, dinheiro é apenas uma ferramenta da nossa vida, como nos locomover, nos alimentar, e etc, e como essas atividades, ele deve ser administrado. Você deve se sentar e ver exatamente para onde seu dinheiro vai, quanto gasta com cada aspecto da sua vida, quanto precisa para realizar um desejo, e como fazer para ele não faltar. A máxima de que conhecimento é poder deve reger sua vida financeira para que ela vá bem.

Estilo de vida inferior a sua renda total

Pode ter quem ache que essa regra é obvia, mas observo que muitos pecam por desejar um estilo de vida que acaba comprometendo toda a sua renda, e que facilmente, acaba ultrapassado a renda.

Por exemplo: Ganhar R$ 2.000 não é o mesmo ter disponível R$ 2.000. O que ocorre que todos tem parte da renda já comprometida, com conta de água, luz, telefone, internet, locomoção e alimentação. São coisas que do modo que a nossa sociedade é organizada não tem a opção de abrir mão desses gastos. Resultado: o alor que gasto disponível com coisas não obrigatórias é muito inferior a sua renda.

O que nos leva ao próximo ponto.

Regra dos 50

Reserve 50% da sua renda para os gastos essenciais e repetitivos. Isso quer dizer que nos novos gastos do mês, o valor não deve ultrapassar essa porcentagem, sendo que o ideal que fique bem abaixo, para que sobre dinheiro para se guardado ou investido (pode sempre surgir um imprevisto).  

Como os gastos essenciais na maioria das vezes também são obrigatórios, deixar uma parcela reservada para eles dão uma garantia que não ocorra aquela situação constrangedora de deixar de pagar algo por não ter dinheiro disponível. Como esses gastos já são esperados, o seu orçamento fica planejado para não comprometer essas despesas.

Priorize o pagamento a vista

Eu sei que aquele cartãozinho plastico lindo parece ter vindo de um lugar magico que permite comprar coisas que normalmente você não teria como comprar é extremamente tentador, mas deve ser evitado. Perceba-se que eu digo EVITADO, não tirado da sua vida.

O cartão de crédito tira a noção de quanto você realmente gasta e compromete sua renda futura com despesas que se planejadas poderiam ser pagos a vista. Parcelando despesas que poderiam ser pagas com algum planejamento podem acabar não sendo pagas no futuro, uma vez que por causa de uma imprevisto no futuro, você pode não ter dinheiro para pagar essa parcela que vai acabar por virar uma bola de neve. Pagando a visa, caso ocorra um imprevisto e você gaste mais do que poderia no mês, o aperto fica nesse mês, e na maioria das vezes não se estende para o próximo. 

Deixe os seus cartões para emergências, ou planeje como os usará no seu orçamento para que ele não vire uma dor de cabeça.

Agora, se deseja uma ferramenta para te ajudar a por em ordem suas despesas, conheça abaixo os printables de organização financeira.

Em breve o canal estará em atividade, inscreva-se para não perder nenhum vídeo!
_____
_____





Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário, pergunta, sugestão, critica para que o blog evoluindo. Beijos!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
© Seu Blog Aqui - 2017 | Todos os direitos reservados.
Desenvolvimento por: Renata Massa | Tecnologia do Blogger.
imagem-logo